Almirante russo: base de Tartus reforçará agrupamento da Rússia na Síria

© Sputnik / Grigory Sysoev / Abrir o banco de imagensMarinheiros do cruzador de mísseis pesado russo Pyotr Veliky durante a estadia do navio no porto de Tartus, Síria (foto de arquivo)
Marinheiros do cruzador de mísseis pesado russo Pyotr Veliky durante a estadia do navio no porto de Tartus, Síria (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A base militar naval em Tartus, na Síria, reforçará o agrupamento militar russo na Síria, informou o ex-comandante da Frota do Mar Negro, almirante Igor Kasatonov.

Está previsto que a base militar naval em Tartus seja criada com base no ponto técnico e logístico da Marinha russa já existente.

"Sem dúvida, a base reforçará o nosso agrupamento na Síria, os navios da Marinha russa, que se encontram no Mediterrâneo, poderão entrar lá para descanso da tripulação, abastecimento de água, combustível e alimentos", comunicou Kasatonov.

Syrians gather at the scene of multiple bombings in the the city of Tartus northwest of Damascus. File photo - Sputnik Brasil
Daesh reclama ataque em Tartus, na Síria
Segundo ele, o primeiro passo seria "criar infraestrutura correspondente, assegurando sua proteção do ar através do posicionamento de meios de defesa antiaérea e antimíssil e garantindo vias de acesso".

Em 1977, em Tartus, foram criadas instalações de manutenção e suporte naval. Atualmente, Tartus é a única base de suporte da Marinha russa no Mediterrâneo. Em 26 de agosto de 2015, Moscou e Damasco assinaram acordo sobre o deslocamento do grupo aéreo russo na Síria para a base de Hmeymim. No momento, a ratificação do respectivo documento está passando por trâmites da Duma de Estado da Rússia (câmara baixa do parlamento russo).

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала