Soldados americanos participam de treinos militares na Noruega

Nos siga noTelegram
Três centenas de fuzileiros navais norte-americanos chegaram na manhã de segunda-feira (16) à Noruega para participar de um programa de treinamentos militares de seis meses, informa o site da companhia de televisão e rádio norueguesa NRK.

A decisão de receber militares dos EUA por seis meses em sistema rotativo foi aprovada pelo governo norueguês em outubro do ano passado conforme o acordo bilateral de cooperação na área de treinamentos militares.

Os militares americanos ficaram aquartelados na base militar de Vernes, perto de Trondheim.

Torres do Kremlin de Moscou, agosto de 2016 - Sputnik Brasil
Kremlin: OTAN é um resquício de outra época, voltado para a confrontação
A Noruega considera esse tipo de cooperação como um teste, no entanto, a decisão do governo causou comentários críticos no país. Os opositores, em particular, notaram que após a adesão à OTAN, em 1949, a Noruega tem mantido uma política que não prevê o estacionamento permanente de tropas estrangeiras no seu território em tempo de paz.

Entretanto, a chefe do Ministério da Defesa explicou que esta cooperação não viola a política tradicional.

"A cooperação de teste é baseada na rotação dos militares norte-americanos, não se tratando de um posicionamento permanente de soldados dos EUA na Noruega ou da criação de uma base norte-americana na Noruega", afirmou a chefe do Ministério da Defesa, Ine Eriksen Sereide, na véspera da chegada dos fuzileiros, cujas palavras são citadas pela NRK.

O governo planeja analisar os resultados dessa cooperação no final do ano.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала