Tillerson: EUA precisam estudar a possibilidade de participar da trégua na Síria

© Sputnik / Ilia Pitalev / Abrir o banco de imagensMultidão assista à conferência de paz
Multidão assista à conferência de paz - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Os EUA devem estudar a possibilidade de participar da trégua na Síria, declarou o candidato ao cargo de secretário de Estado dos Estados Unidos, Rex Tillerson.

Rex Wayne Tillerson, presidente da maior empresa petrolífera dos EUA – ExxonMobil - Sputnik Brasil
'Amigo de Putin' e possível secretário de Estado destaca prioridades externas dos EUA
“Essa é uma área que devemos avaliar. Como eu já disse antes, devemos encontrar um meio de  entrar para o processo de paz geral, processo de cessar-fogo, mas este foi um resultado do acordo entre a Rússia, Turquia e Síria, com a participação do Irã. Devemos entender se podemos participar disso. Se podemos, ao menos, estabilizar a situação relativa aos rebeldes e ao governo sírio para se concentrar no Daesh”, disse Tillerson. 

Mais cedo, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, comunicou a assinatura de três documentos: o primeiro entre o governo sírio e a oposição armada sobre o cessar-fogo na Síria a partir de 30 de dezembro; o segundo, referente à medidas para controle do regime de cessar-fogo; e um terceiro, sobre início das negociações de paz no país. 

Em 31 de dezembro, o Conselho de Segurança da ONU aprovou, por unanimidade, a resolução, proposta pela Rússia e pela Turquia, de apoio ao cessar-fogo na Síria. O exército sírio e os grupos de oposição armada concordaram em aderir ao regime de cessar-fogo na Síria a partir do dia 30 de dezembro. O acordo não contempla os grupos terroristas como Frente al-Nusra e Daesh.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала