May e Erdogan concordam sobre necessidade de resolver questão de Chipre

Nos siga noTelegram
A premier do Reino Unido, Theresa May, e o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, conversaram por telefone neste sábado e concordaram ser essencial chegar a um acordo de paz para o Chipre nas conversas programadas para a próxima semana em Genebra.

Flamingos se encontram na região da base aérea britânica de Akrotiri, Limassol, Chipre, janeiro de 2016 - Sputnik Brasil
Chanceler do Chipre faz declaração sobre bases russas no país
"A primeira-ministra ligou para o presidente turco, Tayyip Erdogan, mais cedo, para discutir as conversas de paz para o Chipre. Eles concordaram sobre a importância de chegar a uma resolução de sucesso para as negociações sobre o Chipre em Genebra, destacando que essa é uma oportunidade real para assegurar um futuro melhor para o Chipre e garantir a estabilidade na região", afirmou um porta-voz do governo britânico. 

O Chipre se encontra dividido desde 1974, quando, após um golpe de Estado liderado por militares gregos, a Turquia decidiu invadir a parte norte da ilha, para defender seus interesses e a população de origem turca. Nessa zona, até hoje ocupada por tropas turcas, foi declarada a República Turca de Chipre do Norte, reconhecida apenas por Ancara. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала