Lava-Jato chega ao Peru: Congresso forma comissão

Nos siga noTelegram
O Congresso do Peru confirmou nesta quarta-feira ter formado uma comissão de inquérito para investigar o possível envolvimento de funcionários do governo desse país com os crimes investigados pela operação Lava Jato.

Polícia Federal  deflagra nova etapa da Operação Lava-Jato com alvo em instituição financeira do Panamá - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
PF deflagra nova etapa da Operação Lava-Jato com alvo em instituição financeira do Panamá
"A Comissão de Investigadora Multipartidária da Lava Jato foi instaurada e, imediatamente, se declarou em sessão permanente", informou a agência de notícias do Congresso peruano, El Heraldo.

O objetivo da comissão será investigar supostos casos de subornos e de propinas em contratos de obras públicas com as empresas envolvidas na operação.

Presidida por Albrecht Victor Rodriguez, da coligação fujimorista, a comissão terá 180 dias para apresentar as suas conclusões.

A nomeação de Rodriguez vem solicitando críticas de alguns membros do Congresso, já que o presidente desta nova comissão já foi investigado pela Promotoria Especial para Crimes de Corrupção de Funcionários por supostos crimes de peculato e de conluio fraudulento cometidos entre 2004 e 2005.

Um relatório do Departamento de Justiça dos Estados Unidos revelou que a construtora brasileira Odebrecht reconheceu ter pago cerca de 29 milhões de dólares em propinas a altos funcionários do governo do Peru entre 2005 e 2014.

Além Odebrecht, a comissão vai investigar empresas como Camargo Correa, OAS, Andrade Gutierrez e Queiroz Galvão.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала