Israel decide não devolver corpos de combatentes do Hamas

© REUTERS / Ibraheem Abu MustafaMilitantes do barço armado do Hamas na Faixa de Gaza
Militantes do barço armado do Hamas na Faixa de Gaza - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A partir de agora, os terroristas mortos em confronto serão enterrados e não devolvidos aos familiares.

Fumo de míssil lançado pelo Israel à Faixa de Gaza em represália ao ataque proveniente do enclave palestino, 5 de outubro de 2016 - Sputnik Brasil
Ministro da Defesa de Israel promete destruir Hamas em caso de guerra na Faixa de Gaza
Os corpos de terroristas do Hamas mortos durante os ataques serão enterrados e não retornados ao familiares. 

A decisão foi tomada pelo gabinete de segurança em uma reunião no domingo onde discutiu os esforços para recuperar os corpos dos dois soldados das Forças Armadas de Israel, Oron Shaul e Hadar Goldin, mantidos pelo Hamas desde a Operação Margem Protetora em 2014.

O ato acontece um dia após o grupo palestino divulgar um vídeo no qual parodiava a festa de aniversário do soldado Shaul. Esta foi a primeira vez que o gabinete se reuniu para tentar discutir a retomada dos corpos assim como tentar retornar  dois israelenses, Abera Mengistu e Hisham al-Sayed, que atravessaram Gaza e estão detidos lá desde então.

A equipe do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu divulgou que as autoridades desenharam um plano de ação que não será divulgado.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала