Especialista: caça J-11D chinês não se compara ao Su-35 russo

© REUTERS / Stringer Caça furtivo chinês J-20 durante um show aéreo em Zhuhai, província de Guangdong, China, novembro de 2016
Caça furtivo chinês J-20 durante um show aéreo em Zhuhai, província de Guangdong, China, novembro de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O jornal chinês South China Morning Post publicou um artigo sobre a planejada fabricação do caça chinês J-11D.

Segundo a edição, a China, que antes contava com os motores russos para equipar seus próprios caças de quinta geração J-20, fez um avanço na área de construção de motores, se livrando da dependência da Rússia nesse setor.

A China está se preparando para lançar a produção em série do caça J-11D que, alegadamente, seria uma versão chinesa do Su-23S.

Su-35 chegam à Karélia - Sputnik Brasil
Su-35 de última geração chegam ao norte da Rússia
Em entrevista à Sputnik China, Vasily Kashin, especialista russo em questões militares, analisa as afirmações expostas na publicação constatando que estas nem sempre correspondem à realidade.

Segundo o especialista, ainda é cedo para dizer que a China deixou de depender dos motores russos, já que os últimos contratos para sua entrega foram firmados em outubro de 2016. Kashin destaca que a China firmou um contrato para compra de um lote de motores D-30KP2 para aviões de transporte Y-20 no valor de 658 milhões de dólares e outro no mesmo valor para a nova versão de motores AL-31F destinada a caças.

"Cabe ressaltar que o J-11D não pode ser considerado como o 'Su-35 chinês'. Esta é uma tentativa independente para aumentar drasticamente as capacidades dos caças pesados que pertencem à gama Su-27", aponta Kashin.

Caça de quinta geração russa Su-35 - Sputnik Brasil
Por que China continua comprando caças Su-35 da Rússia?
De acordo com ele, "o J-11D não coincide com o Su-35 em aviônicos e possui diferenças consideráveis na estrutura da célula e em termos aerodinâmicos".

Na opinião do especialista, embora os primeiros J-20 já sejam fornecidos às unidades de treinamento do Exército de Libertação Popular da China, é difícil prever quando estes caças irão alcançar o nível de prontidão para combate.

Kashin assinala que a modernização da frota de caças J-11 continuará sendo uma tarefa bem importante para a China, o que explica o elevado interesse dos chineses em relação à estrutura do caça russo Su-35 e a compra de motores russos que está continuando.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала