Ucrânia pode ficar sem presidente

© Sputnik / Mikhail Markiv / Abrir o banco de imagensO presidente da Ucrânia, Pyotr Poroshenko
O presidente da Ucrânia, Pyotr Poroshenko - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A líder do partido ucraniano Batkivschina e ex-primeira-ministra do país, Yulia Timoshenko, se manifestou a favor da extinção do cargo presidencial na Ucrânia.

Mikheil Saakashvili - Sputnik Brasil
Saakashvili promete converter Ucrânia em superpotência
"Sou a favor de eliminar o cargo de presidente. A 'galeria' que temos, salvo Leonid Kravchuk [o primeiro mandatário ucraniano], deve fazer com que a Ucrânia tire suas conclusões", afirmou a política ao canal local 112 Ukraina.

Contudo, Timoshenko foi bastante evasiva ao responder à questão se ela própria quer ser presidente. Ela apenas disse que fará tudo para mudar o país. Para fazer isso, Timoshenko quer rever a constituição e pôr em ordem o funcionamento do Estado. Ela também disse que "devolveria à nação tudo o que lhe foi roubado".

Atualmente, o Batkivschina (Pátria em ucraniano) está entre os partidos políticos mais populares do país, segundo informa o 112 Ukraina, Timoshenko lidera as pesquisas de popularidade dos políticos em várias regiões, ultrapassando o presidente atual, Pyotr Poroshenko.

Yulia Timoshenko participou das eleições presidenciais na Ucrânia em 2010 alcançando 45,47% dos votos e em 2014 obteve 12,81% dos votos. Além disso, ocupou o cargo de primeira-ministra em 2005 e de 2007 a 2010.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала