Prefeita e duas jornalistas são mortas a tiros perto da fronteira russo-finlandesa

© AFP 2022 / LAURI HEINOPolícia trabalhando no local do crime que matou três mulheres em Imatra, Finlândia, em 4 de dezembro de 2016
Polícia trabalhando no local do crime que matou três mulheres em Imatra, Finlândia, em 4 de dezembro de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
De acordo com mídia internacional, um homem de 23 anos foi detido por suspeita de ter morto, na noite passada, a prefeita da cidade finlandesa de Imatra, Tiina Wilen-Jappinen, e duas jornalistas.

Segundo a versão referida pela polícia, se trata de um ataque fortuito. As mulheres foram mortas a tiros no crânio e no corpo de uma distância curta.

De acordo com os dados apurados, a polícia recebeu um sinal de alerta, na meia-noite passada, sobre um homem que estava na frente de um restaurante no centro da cidade com uma arma de fogo. Quando a polícia chegou, o homem, que se tinha escondido detrás de um carro, se entregou sem opor resistência.

Os motivos do crime ainda estão sendo investigados. Segundo a agência AFP, a polícia nega que o triplo homicídio tenha algo a ver com a política.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала