Duterte: Trump aprova minha campanha de combate a drogas

© REUTERS / Kim Kyung-HoonO presidente filipino, Rodrigo Duterte, assiste ao Fórum Econômico em Tóquio, no Japão, em 26 de outubro de 2016
O presidente filipino, Rodrigo Duterte, assiste ao Fórum Econômico em Tóquio, no Japão, em 26 de outubro de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente eleito dos EUA, Donald Trump, falou ao telefone com o presidente filipino, Rodrigo Duterte, e afirmou aprovar suas ações no combate ao tráfico de drogas no país, comunicou a assessoria de imprensa de Duterte.

Presidente filipino Rodrigo Duterte - Sputnik Brasil
'Duterte, o Charmoso': Chanceler da Nova Zelândia elogia presidente filipino
A comunidade internacional tem repetidamente comentado e criticado os métodos de combate ao tráfico de drogas nas Filipinas. Os peritos da ONU na área dos direitos humanos apelaram às autoridades filipinas para impedirem os assassinatos desordenados e abandonarem a prática de eliminar os suspeitos em relação aos quais não houve um pleno processo penal.

Segundo afirmam as autoridades filipinas, na sexta-feira (2) o líder do país e o presidente eleito dos EUA tiveram uma conversa telefônica "fascinante e animada". Ao longo da ligação, que durou 7 minutos, Trump convidou Duterte para visitar a Casa Branca em 2017.

"Ele também me desejou sucesso na minha campanha", afirmou Duterte após o telefonema. De acordo com ele, Trump considera que a luta contra os traficantes no país é realizada de "forma adequada".

Tendo sido eleito em maio deste ano, Duterte se manifesta a favor de uma luta de larga escala contra os consumidores de drogas e os traficantes. De acordo com os dados recentes publicados pela polícia, desde que Duterte chegou ao poder foram mortos no país cerca de 3 mil pessoas envolvidas no negócio de drogas, muitas das quais durante os processos de inquérito.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала