Reino Unido recebe 350 denúncias de abuso sexual na comunidade futebolística do país

© REUTERS / Yves Herman LivepicFootball Soccer - England v Iceland - EURO 2016 - Round of 16 - Stade de Nice, Nice, France - 27/6/16Iceland's Ragnar Sigurdsson attempts an overhead kick
Football Soccer - England v Iceland - EURO 2016 - Round of 16 - Stade de Nice, Nice, France - 27/6/16Iceland's Ragnar Sigurdsson attempts an overhead kick - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Casos podem ter sido encobertos ao longo de anos e serão investigados separadamente. Associação de Futebol do país foi duramente criticada e diz aplicar regras severas para punir qualquer membro da comunidade envolvido em atividades do tipo.

Gerhard Mewes, o treinador do clube de futebol da prisão - Sputnik Brasil
36 anos de futebol com terroristas e assassinos
Pelo menos 350 pessoas procuraram a polícia britânica para relatar casos de abuso sexual infantil dentro da comunidade do futebol no país. Os números foram divulgados em um comunicado nesta quinta-feira.

"É importante notar que este é apenas um indicativo, que a informação ainda está sendo coletada e que os números, portanto, continuarão a mudar", disse o chefe de polícia Simon Bailey, que lidera um comitê para a proteção da criança no conselho policial nacional. "Estamos trabalhando em estreita colaboração com a Associação de Futebol para garantir que a resposta a este número significativo e crescente de vítimas, em todos os níveis do futebol, seja coordenada de forma eficaz", completou.

A notícia aparece ao mesmo tempo em que a Polícia de Manchester confirmar que pelo menos 10 pessoas eram suspeitas de abusar de 35 vítimas ligadas ao mundo futebolístico. A denúncia despertou acusações à Associação de Futebol do país, acusada de acobertar jogadores e abafar casos para evitar escândalos. As críticas foram rebatidas pelo chefe executivo da Associação, Martin Glenn.

"Temos regras claras no jogo e se houver qualquer evidência de uma violação ou de alguém ter sido acobertado, isso estaria sujeito ao devido processo. Quando aplicamos as nossas regras, elas valem, não interessa o tamanho do clube". Ele, porém, afirma não saber se acordos extrajudiciais foram assinados para encobrir casos de abusos de chegarem à Justiça ou à mídia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала