Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Diretor executivo da Roscosmos foi preso e acusado de corrupção

© Sputnik / Igor Russak / Abrir o banco de imagensThe stand of the Russian Federal Space Agency (Roscosmos). (File)
The stand of the Russian Federal Space Agency (Roscosmos). (File) - Sputnik Brasil
Nos siga no
O diretor executivo da Roscosmos, Vladimir Evdokimov, foi preso nesta quinta-feira, acusado de ter desviado cerca de 3 milhões de dólares norte-americanos da corporação estatal.

Presidente russo Vladimir Putin durante um encontro no Kremlin, Moscou, Rússia, 15 de julho de 2016 - Sputnik Brasil
Putin exonera ministro da Economia Ulyukaev após acusações de suborno
A Corte do Distrito Central (Basmany) de Moscou determinou nesta quinta-feira a prisão, por dois meses, do diretor executivo de controle de qualidade da Roscosmos, Vladimir Evdokimov, que está sendo acusado de ter desviado 200 milhões de rublos (cerca de 3 milhões de dólares) da empresa, informou a agência RIA Novosti.

Se for considerado culpado, o executivo pode pegar a pena de 10 ano de prisão. 

Segundo a acusação, o diretor da corporação desviou recursos da MiG (Mikoyan), empresa do grupo Roscosmos. Evdokimov se declarou inocente.

A prisão de Evdokimov não foi um caso isolado. Mais cedo, no âmbito do mesmo processo penal, foram presos: o ex-diretor da subsidiária da MiG, MiG-Rost, Aleksei Ozerov, e o vice-diretor geral da PSC Tupolev, Egor Noskov. Eles estão sendo acusados de tomar posse ilegal de diversos prédios no Campo de Khodynka, no noroeste de Moscou, no início dos anos 2000. O grupo teria vendido e alugado os prédios durante os últimos dez anos.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала