Jovem andarilha em Roma não é Madeleine McCann, confirma polícia

© AP Photo / CARL DE SOUZAMadeleine McCann
Madeleine McCann - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A menina foi sido confundida com a britânica desaparecida desde 2007, foi identificada. Trata-se da sueca Embla Jauhojärvi, que fazia intercâmbio na Itália.

Gerry e Kate McCann, pais da menina Madeleine McCann, desaparecida em 2007 durante férias com a família em Portugal - Sputnik Brasil
Polícia britânica reduz esforços de investigação no caso Madeleine McCann
Não foi desta vez que encontraram Madeleine McCann. Boatos na internet davam conta de que uma jovem andarilha poderia ser a menina britânica, desaparecida desde 2007 depois de um passeio com a família na Praia da Luz, em Portugal.

A Polícia romana destacou uma delegacia com o objetivo de descobrir a origem da jovem e confirmaram: trata-se de uma sueca de 21 anos que estava sumida desde maio passado. A informação é da Agência ANSA.

Embla Jauhojärvi nasceu em Estocolmo, capital da Suécia e se mudou para a Itália há seis meses para estudar italiano. Ela sofre de síndrome de Asperger, um transtorno similar ao espectro do autismo. A quem a indagava na rua, Jauhojärvi dizia se chamar Maria e se comunicava apenas em inglês, o que levantou a suspeita de que Maria poderia ser, na verdade, Madeleine.

Depois de prestar depoimento, Embla sumiu novamente. Um homem, identificado como Tahvo, procurou o jornal britânico "Daily Mail" e disse que a jovem é  sua filha. A Polícia romana tenta localizá-la novamente. Enquanto isso, o mistério em torno de Madeleine McCann continua em aberto: a garota teria hoje 13 anos de idade.


Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала