Tribunal japonês: base dos EUA incomoda cidadãos, governo do Japão deverá pagar milhões

© AFP 2022 / TOSHIFUMI KITAMURABase aérea de Futenma, prefeitura de Okinawa ( US Marine Corps Air Station)
Base aérea de Futenma, prefeitura de Okinawa ( US Marine Corps Air Station) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O tribunal do município de Naha, localizado no sul da província de Okinawa, ordenou ao governo o pagamento de 22 milhões de dólares para os habitantes da região que moram perto de uma das principais bases aéreas de Futenma dos EUA devido ao barulho feito pelos aviões.

O tribunal municipal de Naha decidiu que o governo japonês deve pagar 2,46 bilhões de ienes (22,6 milhões de dólares) para cerca de 3.400 pessoas que vivem aos arredores da Estação aérea da Unidade Naval norte-americana de Futenma devido a um possível acidente aéreo, bem como o barulho constante feito pelas aeronaves, de acordo com a agência de notícias Kyodo.

Soldiers from the Japan Ground Self-Defense Force's Western Army Infantry Regiment - Sputnik Brasil
Japão dará mais liberdade a militares no Sudão do Sul
Os requerentes esperavam receber do governo japonês cerca de 10 bilhões de ienes. Além disso, de acordo com o pedido feito pelos habitantes insatisfeitos, eles gostariam que a base aérea não emitisse ruídos acima de 40 decibéis durante a noite e no início da manhã e, nos outros horários do dia, que não ultrapassem 65 decibéis, disse a agência.

Inicialmente, os requerentes solicitaram a suspensão dos voos realizados na base de Futenma, mas o pedido foi rejeitado pelo tribunal, de acordo com a agência.

A base aérea de Futenma abriga 25.800 militares norte-americanos e 19.000 familiares dos militares e civis, de acordo com a prefeitura de Okinawa.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала