Premiê russo: Trump e Clinton não devem contar 'histórias de terror' sobre Rússia

© Sputnik / Ramil Sitdikov / Abrir o banco de imagensAs bonecas dos presidenciais norte-americanos Donald Trump e Hillary Clinton
As bonecas dos presidenciais norte-americanos Donald Trump e Hillary Clinton - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Nos seus discursos os presidenciáveis americanos devem destacar os problemas internos dos EUA e não usar de histórias de terror sobre a Rússia e China.

A respectiva declaração foi feita pelo primeiro-ministro russo Dmitry Medvedev em sua entrevista à Televisão Central da China.

"Estas são suas eleições internas e não eleições na China ou na Rússia. A ideia é que eles devem falar dos seus problemas internos e não usar quaisquer histórias de terror", disse.

Presidenciável do Partido Republicano Donald Trump depois do segundo debate contra Hillary Clinton, St.Louis, Missouri, EUA, 9 de outubro de 2016 - Sputnik Brasil
Paranoia dos EUA: Putin usa Trump para 'inflamar' revolução colorida nos Estados Unidos
Na véspera da reunião com seu homólogo chinês, Medvedev respondeu às perguntas do âncora do programa Global Watch Shui Jun Yi.

Durante a conversa, o chefe do executivo russo chamou a atenção para a batalha política e debates nos Estados Unidos e em vários outros países que frequentemente se baseiam no princípio "como podemos fechar o mercado" às mercadorias chinesas e estrangerias em geral.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала