Rússia e OTAN medem forças nos Bálcãs

© Sputnik / Pavel Gerasimov / Abrir o banco de imagensParaquedistas russos - foto de arquivo
Paraquedistas russos - foto de arquivo - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O exército russo vai realizar exercícios militares conjuntos nesta quarta-feira (2) na Sérvia, enquanto as forças da OTAN conduzem suas próprias manobras em Montenegro desde segunda-feira (31).

Em meio à crescente tensão entre o Ocidente e Moscou, a OTAN está envolvida desde segunda-feira em manobras militares de emergência em Montenegro, e esta semana as tropas russas participarão simultaneamente de exercícios na Sérvia, país vizinho da península balcânica, segundo relata a CBS News.

​As manobras da Aliança Atlântica em Montenegro vão durar cinco dias e envolverão cerca de 680 militares de sete países membros da OTAN e dez nações parceiras. Enquanto isso, os exercícios armados na Sérvia, batizados de "Irmandade Eslava 2016”, começarão nesta quarta-feira e, durante 13 dias, contarão com a participação de 150 paraquedistas do exército russo, 50 membros de sua Força Aérea e 3 aviões de transporte, além de um número não especificado de tropas sérvias e bielorrussas, conforme anunciado pelo Ministério da Defesa russo.

Secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg (esquerda) e primeiro-ministro de Montenegro, Milo Djukanovic, em Podgorica - Sputnik Brasil
Governo de Montenegro acusa Rússia de apoiar protestos da oposição nos Bálcãs
Belgrado e Podgorica foram tradicionalmente aliados de Moscou até o processo de separação e independência de Montenegro em 2006. Desde então, o governo montenegrino tem procurado adaptar-se às políticas pró-ocidentais, tendo sido inclusive convidado pela OTAN a se juntar à aliança, o que não foi bem recebido nem por Moscou nem por Belgrado.

Em 17 de outubro, o primeiro-ministro de Montenegro, Milo Dukanovic, prometeu finalizar o processo de negociações sobre a adesão à União Europeia e anunciou a adesão à OTAN para os próximos meses. Enquanto isso, a Sérvia não tem planos de entrar na aliança militar, apesar de ser um país parceiro da organização ocidental, mas decidiu entrar para a União Europeia, embora sem abrir mão de seus laços com a Rússia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала