Estônia acusa Rússia de violar seu espaço aéreo duas vezes

© Sputnik / Igor Russak / Abrir o banco de imagensUm An-12 russo (foto de arquivo)
Um An-12 russo (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Estado Maior Geral da Estônia reiterou nesta quarta-feira (2) as acusações contra a Rússia por duas supostas violações do espaço aéreo do país na última terça-feira.

A Estônia já havia acusado a Rússia de violar seu espaço aéreo na terça-feira e disse que Moscou estava provocando tensões entre os dois países.

A presidente estoniana Kersti Kaljulaid durante a cerimônia de inauguração - Sputnik Brasil
Presidente da Estônia diz que só visitará Rússia se aliados da OTAN aprovarem
"O avião An-148 entrou no espaço aéreo do país na noite de terça-feira perto da ilha de Vaindloo e permaneceu ali por cerca de um minuto", disse o Estado Maior. Foi ressaltado também que a tripulação não fez qualquer contato com o serviço de controle do tráfego aéreo do país. 

De acordo com o exército da Estônia, o Ministério das Relações Exteriores do país convocou o embaixador russo no início do dia para lhe emitir uma nota de protesto em conexão com as alegadas violações.

Em setembro, a Estônia acusou a aeronave de transporte militar An-72 da Rússia de violar seu espaço aéreo, enquanto o Ministério da Defesa russo argumentou que realizava vôos sobre águas neutras do Mar Báltico, seguindo as regras do direito internacional.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала