Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

'Liderança de Lula em eleição é prova de repúdio popular ao atual governo'

© Ricardo Stuckert/Instituto LulaAto pela democracia em São Bernardo do Campo
Ato pela democracia em São Bernardo do Campo - Sputnik Brasil
Nos siga no
A senadora Fátima Bezerra (PT-RN) recebeu sem surpresa os resultados da 132ª Pesquisa CNT/MDA que mostra o ex-presidente Lula (PT) como favorito para vencer a eleição presidencial de 2018 tanto na intenção espontânea quanto na intenção de voto estimulada nos cenários para o primeiro turno.

No primeiro cenário, Lula teria 24,8% das intenções de voto; Aécio Neves (PSDB-MG), 15,7%; e Marina Silva (Rede), 13,3%. No segundo cenário, Lula novamente venceria com 25,3% das intenções, seguido por Marina, 14%; e Geraldo Alckmin (PSDB-SP), 13,4%. No terceiro e último cenário, o petista receberia 27,6%; Aécio, 18%; Marina, 16,5; e Jair Bolsonaro (PSC), 7,9%. A pesquisa foi realizada entre os dias 13 e 16 desse mês e ouviu 2.002 pessoas em 137 município do país. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais para cima ou para baixo.

"O resultado da pesquisa não chega a surpreender, porque todas (as pesquisas) mostram o capital político extraordinário que o presidente Lula tem, e isso se deve a sua história de vida, à trajetória e aos governos que fez. Ele entrou para a história como o melhor presidente que esse país já teve pela inclusão social que promoveu."

Para a senadora, ao querer a volta de Lula, a pesquisa também retrata a insatisfação e a desaprovação crescente com o atual governo.

"Mesmo vítima de uma caçada implacável e tendo sua imagem enxovalhada de maneira caluniosa por uma campanha de tanto ódio, dirigida por parte da grande mídia monopolizada, com a participação de todo o consórcio golpista e parte do poder judiciário, a imagem de Lula continua preservada pelo povo brasileiro."

Com relação aos temores de que, após a prisão do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha, Lula também possa ser preso pelo juiz Sérgio Moro, que conduz os julgamentos da operação Lava Jato, a senadora petista diz que as especulações contra Lula obriga a uma vigilância constante. No fim de semana passado, boatos que circularam nas redes sociais sobre uma eminente prisão do ex-presidente levaram dezenas de petistas e simpatizantes a montarem uma vigília que durou até a madrugada de segunda-feira em frente à casa de Lula em São Bernardo do Campo (SP).

Ao comentar a prisão de Cunha, Fátima Bezerra disse que a prisão de morou a acontecer. A senadora disse esperar também que a prisão do ex-deputado não seja usada para fins políticos de perseguição a pessoas honestas como Lula. Na avaliação da senadora, se Cunha fizer um acordo de delação premiada, o atual governo implode.

"Ele sabe das tramas urdidas, inclusive como o processo de impeachment foi engendrado, além do que ele tem de intimidade com figuras proeminentes desse ministério."

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала