Mídia: EUA suspeitam que Rússia faça 'pressão secreta' contra Europa

© Sputnik / Vladimir Vyatkin / Abrir o banco de imagensVista do Kremlin, Moscou
Vista do Kremlin, Moscou - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Rússia lançou uma "campanha para destruir a unidade do Ocidente" ao usar meios econômicos e políticos secretos, aponta o jornal New York Post, citando o relatório do Centro de Estudos Estratégicos e Internacionais dos EUA.

Segundo a edição, os autores do documento intitulado "Cenário do Kremlin: compreensão da influência russa na Europa Oriental e Central" estão convictos de que a Rússia está tentando atrair, para seu lado, tais países como a Bulgária, Hungria, Letônia, Sérvia e Eslováquia, estabelecer o controle do mercado de energia europeu e prejudicar a legislação anticorrupção de vários países.

Segundo o relatório, a influência russa é um "desafio para a segurança nacional de alguns países e para os valores pró-ocidentais".

Capitólio de Washington - Sputnik Brasil
EUA continuam 'jogo sujo das sanções' contra Rússia
A Rússia planeja ampliar sua atividade na Europa no âmbito de vários projetos de larga escala na área de economia. Vale ressaltar que Moscou assinou contrato no valor de 12 bilhões de euros para construir dois reatores nucleares na cidade húngara de Paks. Além disso, a Hungria e a Grécia começaram a cooperar com a Rússia no âmbito do projeto Turkish Stream para reforçar as suas posições na União Europeia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала