Presidente do Conselho Europeu defende manutenção das sanções anti-russas

© AFP 2022 / EMMANUEL DUNANDDonald Tusk, presidente do Conselho Europeu
Donald Tusk, presidente do Conselho Europeu - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, considera necessário prorrogar as atuais sanções impostas pelo Ocidente à Rússia, inclusive por causa da situação na Síria.

Bundestag, sede do parlamento alemão - Sputnik Brasil
Deputado alemão se opõe às sanções contra Rússia por causa da Síria
"Até onde vocês sabem, nós prorrogamos as nossas sanções em junho e desde então nada mudou. Na verdade, a situação piorou, se olharmos para o que os russos fazem em Aleppo na Síria" – disse Tusk ao discursar numa conferência em Passau, na Alemanha.

Ele destacou que "alguns políticos demonstraram um equívoco típico à Europa Ocidental ao convidarem a Rússia para a Síria, para resolver o problema na Síria".

"Agora nós temos um novo problema. Penso,que eu não preciso descrever em detalhes a situação na Síria. Mas para mim é claro que o único caminho hoje é da prorrogação das sanções contra a Rússia, caso contrário, teremos uma capitulação [da nossa parte]" – explicou o político europeu.

Em junho, a União Europeia prorrogou suas sanções contra a Rússia até o final de janeiro de 2017.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала