China defende 'desenvolvimento independente' do Equador

© AFP 2022 / Rodrigo BUENDIAWang Yi, ministro das Relações Exteriores da China, em visita ao Equador
Wang Yi, ministro das Relações Exteriores da China, em visita ao Equador - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O ministro das Relações Exteriores da China, Wang Yi, disse nesta terça-feira, em visita a Quito, que Pequim apoia os esforços do Equador para alcançar um desenvolvimento independente através da industrialização e irá colaborar com o país na reconstrução das zonas afetadas pelo terremoto de 16 de abril.

he moon sets above a Chinese flag flying over Tiananmen Square after a flag raising ceremony on National Day, the 66th anniversary of the founding of the People's Republic of China, in Beijing, Thursday, Oct. 1, 2015 - Sputnik Brasil
China tenta expulsar EUA da América Latina e controlar novo 'canal do Panamá'
"A China vai oferecer sua ajuda com ações reais ao Equador. Para ajudar a aumentar sua capacidade de desenvolvimento independente, para que não dependa da exportação de produtos primários", afirmou Wang Yi em coletiva de imprensa na sede da chancelaria equatoriana. 

Ainda de acordo com o chanceler chinês, o seu país, o maior entre aqueles em desenvolvimento, entende muito bem o "esforço necessário para impulsionar o processo de industrialização" e oferecerá "todo o equipamento, tecnologia e formação de talentos" que o Equador precisar. 

Por sua vez, o chanceler equatoriano, Guillaume Long, reconheceu o apoio da China através "das obras no setor energético, as hidrelétricas e o financiamento", de grande importância para a "transição de uma economia exportadora de matérias-primas em uma economia muito mais sofisticada". 

Segundo Long, a colaboração chinesa "tem sido e seguirá sendo fundamental". 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала