China: 'EUA pagarão o preço' por instalar sistemas de defesa antimíssil na Coreia

Nos siga noTelegram
A China fez declarações duras neste sábado contra os EUA, ao comentar a decisão norte-americana de instalar sistemas de defesa antimíssil THAAD na Coreia do Sul, informou Agência Brasil.

Dois sistemas de THAAD são lançados durante um teste de interceptação bem sucedido. - Sputnik Brasil
China se opõe à instalação do THAAD na Coreia do Sul
Segundo Agência Brasil, um artigo publicado no Diário do Povo, jornal oficial do Partido Comunista da China, diz que os EUA “pagarão o preço” por “ameaçar os interesses estratégicos dos países da região”.

“Washington e Seul estão destinados a pagar um preço por isso e a receber um contra-ataque adequado”, diz o texto.

Em julho de 2016, após 5 meses de discussões, os EUA e a Coreia do Sul acordaram o deslocamento do THAAD, que visa interceptar mísseis da Coreia do Norte.

A instalação do THAAD provoca inquietação da China e da Rússia. O Japão manifestou-se a favor, acrescentando que o THAAD vai contribuir para a paz e a estabilidade na região.

Pequim acredita que a instalação da defesa antimíssil pode colocar em risco a segurança na península e alimentar as tensões com Pyongyang. “Como qualquer outro país, a China não pode ficar indiferente a questões de segurança que impactam em seus interesses primários”, afirma o Diário do Povo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала