Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Paris: Relatório bombástico sobre ataques químicos do Sudão exige investigação

© Anistia InternacionalEvidências do uso de armas químicas em Darfur, segundo relatório da Anistia Internacional
Evidências do uso de armas químicas em Darfur, segundo relatório da Anistia Internacional - Sputnik Brasil
Nos siga no
A França defendeu nesta sexta-feira (30) a necessidade de uma investigação internacional para descobrir se as forças do governo sudanês usaram armas químicas em Darfur, depois de um relatório "preocupante" publicado pela Anistia Internacional.

Especialistas em armas químicas e biológicas - Sputnik Brasil
WP: EUA utilizam armas químicas proibidas no Iraque
O grupo de direitos humanos disse na quinta-feira (29) que, desde janeiro, o governo do Sudão já havia realizado pelo menos 30 prováveis ataques com armas químicas na área de Jebel Marra, usando o que dois peritos concluíram ser provavelmente um agente vesificante (blister) — substância química que em contato com a pele e as mucosas produz irritação e bolhas cutâneas. 

​O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores francês, Romain Nadal, ressaltou a gravidade das acusações. 

"As instituições relevantes devem analisar atentamente [as acusações] e examinar a gravidade das alegações para estabelecer a realidade", disse ele em entrevista coletiva. 

O grupo de direitos humanos estima que até 250 pessoas podem ter morrido como resultado da exposição aos agentes de armas químicas no país africano. 

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала