Fonte: lado líbio não apresentou pedido de armas à Rússia

© REUTERS / StringerForças líbias leais ao governo apoiado pela ONU se preparam para tomar prédios universitários durante uma batalha contra militantes do Daesh em Sirte, Líbia, 10 de agosto, 2016.
Forças líbias leais ao governo apoiado pela ONU se preparam para tomar prédios universitários durante uma batalha contra militantes do Daesh em Sirte, Líbia, 10 de agosto, 2016. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Khalifa Haftar, marechal-de-campo do exército líbio, não fez um pedido de fornecimento de armas e material militar à Rússia.

Várias mídias tinham anunciado o contrário. Isso foi transmitido por uma fonte próxima de Haftar à agência Sputnik Árabe.

"O enviado especial realmente partiu para Moscou, mas o motivo de sua visita não está ligado ao fornecimento de armas e ele se deslocou sem mensagem oficial", disse a fonte.

A fonte explicou que a Rússia é membro permanente do Conselho de Segurança da ONU e não pode fornecer armas violando o direito internacional.

Caças Aero L-39 Albatros da Força Aérea da Líbia na cidade costeira de Misrata, Líbia, 4 de setembro de 2016 - Sputnik Brasil
Questão de presença militar russa na Líbia 'nem se coloca'
Dmitry Peskov, porta-voz do presidente russo, também assinalou que não dispõe de informações sobre o pedido de ajuda à Rússia para começar uma operação antiterrorista na Líbia:

"Não posso nem confirmar, nem desmentir. Não tenho ideia através de que canais esse pedido poderia ser apresentado. De fato, nós registrámos essas informações na mídia, mas concretamente, não tenho dados sobre como este pedido podia ser entregue oficialmente", disse Peskov respondendo às questões dos jornalistas.

Anteriormente, jornal russo Isvestia, citando uma fonte próxima dos círculos diplomáticos russos, declarou que o representante do comandante-em-chefe do exército líbio, no decurso do encontro no Ministério do Exterior russo, teria entregue ao presidente e ministro da Defesa da Rússia uma mensagem com pedido de fornecimento de armas às tropas líbias.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала