Rússia divulga vídeo de comboio humanitário atacado na Síria

© AFP 2022 / Omar haj kadourAid is seen strewn across the floor in the town of Orum al-Kubra on the western outskirts of the northern Syrian city of Aleppo on September 20, 2016, the morning after a convoy delivering aid was hit by a deadly air strike.
Aid is seen strewn across the floor in the town of Orum al-Kubra on the western outskirts of the northern Syrian city of Aleppo on September 20, 2016, the morning after a convoy delivering aid was hit by a deadly air strike. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Ministério da Defesa da Rússia divulgou um vídeo do suposto ataque realizado contra um comboio de ajuda humanitária das Nações Unidas em Aleppo nesta semana.

A gravação mostra que os caminhões da ONU e do grupo Crescente Vermelho estavam acompanhados por um veículo terrorista com lançadores de morteiro de grosso calibre, segundo o ministério. No entanto, não é possível ver o momento exato das explosões nas imagens divulgadas.

"O exame do vídeo, feito por drones, do movimento do comboio humanitário em áreas controladas por militantes na província de Aleppo revelou novos detalhes. O vídeo mostra claramente como os terroristas estão implantando uma pickup com um morteiro de grosso calibre ali", afirmou o major-general Igor Konashenkov, porta-voz da Defesa russa.

Principal via para a entrega de ajuda humanitária em Aleppo, estrada de Castello - Sputnik Brasil
Síria: ONG afirma que ataque contra comboio humanitário deixou 12 mortos em Aleppo
De acordo com o militar, "não está claro quem acompanha quem" e, mais importante, "onde o morteiro desapareceu perto do ponto de destino do comboio e qual era o seu alvo durante a parada e o descarregamento do comboio".

Na última segunda-feira, a Organização das Nações Unidas informou que o seu comboio de 31 caminhões com ajuda humanitária para a população de Urm al-Kubra, área controlada por extremistas, havia sido alvo de um ataque que resultou em várias baixas. De acordo com as autoridades russas, nenhuma aeronave das Forças Armadas da Rússia ou da Síria disparou contra os caminhões, que, segundo indicam as imagens, parecem ter pegado fogo. O Ministério da Defesa russo ainda destacou que a identidade dos responsáveis por esse ataque deve ser conhecida por membros do grupo "Capacetes Brancos" (voluntários que prestam socorro e assistência na Síria) possivelmente ligados a terroristas da Frente al-Nusra (hoje, Frente Fatah al-Sham), que estavam no local e na hora exata do evento com câmeras para registrar o ocorrido.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала