- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

A onda anti-Temer invade cinemas, teatros e estádios

© Reprodução TwitterFora Temer na abertura dos Jogos Rio 2016
Fora Temer na abertura dos Jogos Rio 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Passado o processo de impeachment de Dilma Rousseff, os protestos contra o seu sucessor, Michel Temer, se intensificaram em todo o país. Não mais restritas às ruas, as manifestações contra o atual governo chegaram a espaços esportivos, culturais e de entretenimento, entre outros.

Dilma, acusada de crime de responsabilidade, perdeu o seu cargo em definitivo no último dia 31. Mas ela já estava afastada da presidência desde maio, período em que também tiveram início os grandes atos contra Temer, à época, interino. 

Durante os Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, os cartazes, camisetas, cantos e gritos contra a administração federal chamaram a atenção de todo o mundo, levando as autoridades brasileiras a adotar inclusive uma série de restrições a essas manifestações. 

De lá pra cá, no entanto, as restrições só aumentaram a indignação do público descontente com o impeachment de Dilma e a efetivação de Temer no cargo. Além das ruas das grandes cidades brasileiras, tomadas com frequência pelos manifestantes, os protestos atingiram diferentes espaços. 

Foi o que aconteceu, por exemplo, na estreia em Brasília do filme "Aquarius", cujo elenco já havia causado polêmica ao se manifestar contra Temer durante o Festival de Cannes, na França.

No show de Caetano Veloso, em Paris...

No de Zélia Duncan, na capital do Tocantins...

E dos Novos Baianos, em Belo Horizonte.

Nem a Bienal de São Paulo, inaugurada no dia da Independência, escapou da "fúria" dos manifestantes. 

Na última quinta-feira, em pleno estúdio da rede de comunicações apontada por muitos militantes como suposta incentivadora da derrubada de Dilma e defensora do governo Temer, um dos funcionários da casa, o humorista Marcelo Adnet, também não conseguiu se conter e disparou o já tradicional "Fora":

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала