Motor da economia americana está prestes a ruir

© flickr.com / Alex Barth (CC BY 2.0)Ovos no hípermercado, Washington, EUA
Ovos no hípermercado, Washington, EUA - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A única coisa que segura os EUA da recessão é o consumidor, mas a economia não se manterá viva por muito tempo, escreve o analista do banco Societé Generale, Albert Edwards, na revista Business Insider.

Segundo o especialista, os ritmos de crescimento da economia norte-americana têm diminuído tanto que em breve poderão atingir valores críticos; a redução dos investimentos na produção e a diminuição dos lucros indicam que a recessão poderá estar para breve. 

A única coisa que resiste a este processo é o nível de consumo, que representa cerca de 70% do PIB dos Estados Unidos.

Dólar com bandeira dos EUA de fundo - Sputnik Brasil
Forbes: Washington não tem dinheiro para custear guerra
Entretanto, Edwards prevê que os EUA possam perder esse fator positivo no futuro próximo:

"A única coisa que impede os EUA de caírem em recessão é o consumidor norte-americano. É difícil dizer que o consumo é o motor da economia, mais parece uma muleta de madeira roída pelas térmitas rangendo sob o peso da economia, que se agarrou nela como um peso morto", opina ele, adicionando que o saneamento econômico está se aproximando do seu fim.

O analista comparou a situação atual com a do período antes da crise financeira em 2007 quando só o consumo mantinha a economia da recessão. A falta de investimentos nas empresas e o abrandamento do mercado de emprego acabou por se refletir no consumo, o que fez o PIB ruir.

Albert Edwards alerta que o crescimento da inflação nos EUA vai começar a reduzir os recursos dos consumidores, o que só agravará a situação.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала