Representante curdo: Turquia e Daesh nunca foram inimigos

© AFP 2022 / DELIL SOULEIMANMilitantes curdos e árabes apoiados pelos EUA avançam em Manbij, no norte da Síria, 23 de junho de 2016
Militantes curdos e árabes apoiados pelos EUA avançam em Manbij, no norte da Síria, 23 de junho de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O chefe da representação do Curdistão sírio em Moscou, Rodi Osman, disse que a Turquia, não conduz uma guerra contra o Daesh (Estado Islâmico) na Síria. Segundo ele, combatentes ou recuam fazendo um acordo com os turcos, ou declaram-se como representantes da oposição síria.

Vista da cidade síria Jarablus feita a partir da cidade turca de Karkamis - Sputnik Brasil
Rússia pede que Turquia não ataque curdos e respeite soberania síria
"Militantes ou se retiram antecipadamente, como aconteceu em Jarablus, apenas entregaram a cidade sem combate, ou troca de uniforme, mudando do Estado Islâmico para virar do exército livre, ou algum outro grupo", disse Rodi Osman à RIA Novosti.

"Esses militantes não são distintos, assim eles podem facilmente passar de um grupo para outro, e parece que a oposição síria, com o apoio da Turquia, libertou a cidade do  Daesh. Na verdade, eles só mudaram as bandeiras", disse ele.

"Turquia e o Estado Islâmico nunca foram verdadeiros inimigos. Por isso jamais existirá uma verdadeira guerra entre eles", considera. 

De acordo com Osman, a ofensiva contra os curdos no norte da Síria foi uma reação à captura bem sucedida da cidade de Manbij e pela preocupação do reforço das forças curdas. "Isto foi uma reação ou uma resposta ao sucesso dos curdos", acrescenta. 

O exército da Turquia iniciou no início da semana passa uma operação contra o Estado Islâmico próximo à cidade de Jarablus, no norte da Síria, com a participação da oposição síria e forças aéreas da coalizão internacional.  Muitos especialistas alegam, entretanto, que as ações turcas visam principalmente o ataque às forças curdas no norte da Síria.  As autoridades sírias classificaram as ações turcas como violação da soberania do país.


Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала