- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Temer terá dois anos difíceis pela frente, acreditam especialistas

© Rovena Rosa/Agência BrasilManifestações contra Temer
Manifestações contra Temer - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Analistas políticos entrevistados pela Agência Brasil acreditam que, com a confirmação do impeachment da agora ex-presidenta da República Dilma Rousseff, Michel Temer, que assume em definitivo o cargo de presidente, não terá uma vida fácil nos dois anos de mandato que ainda lhe restam.

Apesar de dispor de maior apoio no Congresso Nacional, em comparação a Dilma, na opinião de especialistas, Temer precisará manter sua base parlamentar em cenários de ajuste fiscal e Operação Lava Jato.

Para Débora Messenberg, socióloga política da Universidade de Brasília (UnB), o mandato de Temer será "dificílimo", se dará em um país dividido, sem o respaldo de uma eleição e mergulhado numa crise econômica internacional. "Aqueles que o apoiaram, seja no Parlamento, seja no âmbito dos interesses privados, vão pedir a conta” – diz Débora.

Aécio Neves, citado nas gravações das conversas entre Romero Jucá e Sérgio Machado como o primeiro a ser comido caso a Lava-Jato prosseguisse - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Aécio diz que governo de Temer será de 'reconstrução nacional'
Já para o cientista político Cristiano Noronha, vice-presidente da empresa de análise política Arko Advice, destacou a possível necessidade de implementação de algumas mudanças do ponto de vista da reforma política, para evitar que o cenários como impeachment voltem a acontecer. Para ele, Temer navegará em águas mais tranquilas que Dilma, mas nem por isso terá dois anos fáceis pela frente, precisando dar andamento ao ajuste fiscal em meio a novos capítulos da Operação Lava Jato.

“Novas delações premiadas vêm aí. Novos políticos podem ser envolvidos e não se sabe qual partido será atingido. Isso é um fator de instabilidade grande” – completou o cientista político.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала