Papa pretende visitar cidades atingidas por terremoto na Itália

Nos siga noTelegram
O papa Francisco anunciou hoje que visitará as cidades atingidas pelo forte terremoto na região central da Itália, que no início desta semana causou a morte de cerca de quase 300 pessoas.

Durante a tradicional cerimônia do Ângelus, na Praça São Pedro, no Vaticano, o papa rezou a oração da Ave Maria pelas vítimas da tragédia e disse que quer fazer uma visita os locais atingidos para levar seu abraço de "pai e irmão" aos sobreviventes.

"Caros irmãos. Assim que for possível, eu também espero encontrá-los para levar a cada pessoa o conforto da fé e o apoio da esperança cristã. Desejo renovar a minha proximidade espiritual com os habitantes de Lazio, Marcas e da Úmbria, duramente atingidos pelo terremoto dos últimos dias. Penso, em particular, nas pessoas de Amatrice, Accumoli, Arquata e Pescara del Tronto e Norcia" – disse o líder religioso.

Terremoto na Itália - Sputnik Brasil
Itália declara estado de emergência em regiões afetadas pelo terremoto
O papa também destacou que só a solidariedade é capaz de fazer com que todos vençam essas “provações de sofrimento”. "A solicitude com a qual as autoridades, as forças de segurança, a Defesa Civil e os voluntários estão trabalhando demonstra a importância da solidariedade para superar provações tão dolorosos" – disse.

Dados atualizados divulgados na manha de hoje (28) pela Defesa Civil da Itália, apontam que, até o momento, foram registrados 290 vítimas fatais e quase 400 feridos. Dessas mortes, 229 ocorreram em Amatrice, 11 em Accumoli e 50 em Arquata e Pescara del Tronto.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала