EUA, Coreia do Sul e Canadá começam exercícios no Pacífico com 75.000 militares

© REUTERS / Corpo de Fuzileiros dos EUA/Cpl. Darien J. BjorndaNavios militares dos EUA, USS Bonhomme Richard (primeiro de baixo), e USS Boxer (segundo de cima), participam de exercícios navais com grupo de pronta-resposta da Unidade Anfíbia da Coreia do Sul, em Ssang Yong, 8 de março de 2016
Navios militares dos EUA, USS Bonhomme Richard (primeiro de baixo), e USS Boxer (segundo de cima),  participam de exercícios navais com grupo de pronta-resposta da Unidade Anfíbia da Coreia do Sul, em Ssang Yong, 8 de março de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Os exercícios militares conjuntos Ulchi Freedom Guardian dos EUA, Canadá e Coreia do Sul envolverão 75 mil militares dos três países no Pacífico, segundo anunciou hoje (26) o Serviço de Notícias do Exército dos EUA.

"É o maior exercício que fazemos com a Coreia durante todo o ano", disse o comandante dos EUA tenente-general Stephen Lanza.

F-22 Raptor - Sputnik Brasil
EUA integram caças da quarta e quinta geração em exercícios de combate
Os exercícios conjuntos desta semana se destinam a melhorar a prontidão de combate das tropas envolvidas, bem como a interoperabilidade EUA-Coreia do Sul à luz do aumento das tensões e da possibilidade de conflito com a Coreia do Norte.

No total, 25 mil membros do serviço militar dos EUA vão se juntar a 50 mil homnes da Coreia do Sul nas manobras, vistas como parte da estratégia do presidente norte-americano Barack Obama para melhorar as parcerias de seu país na Ásia.

 

 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала