Síria: Acordo fechado permitirá saída de milhares de civis e rebeldes de Daraya

© Sputnik / Mikhail Alaeddin / Abrir o banco de imagensDaraya, subúrbio de Damasco e palco de combates entre o Exército Árabe Sírio e terroristas
Daraya, subúrbio de Damasco e palco de combates entre o Exército Árabe Sírio e terroristas - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Milhares de civis e combatentes rebeldes o serão evacuados da cidade sitiada de Daraya, perto da capital da Síria, ao abrigo de um acordo atingido nesta quinta-feira (25), segundo relata a agência de notícias estatal SANA.

"Setecentos homens armados com suas armas pessoais vão deixar Daraya para seguir para a cidade (controlada pelos rebeldes) de Idlib, enquanto milhares de homens e mulheres com suas famílias serão levados para centros de acolhimento", disse a agência.

Crianças no bairro destruído da cidade de Aleppo, Síria, abril de 2016 - Sputnik Brasil
ONU fala em 'catástrofe sem precedentes' em Aleppo
Os rebeldes terão que entregar outros armamentos para o Exército sírio.

Uma fonte militar disse à AFP que as tropas sírias entrarão em Daraya, que tem estado sob um cerco do regime durante os últimos quatro anos, após a evacuação da cidade.

Um oficial das forças rebeldes na cidade disse que a retirada dos civis e dos combatentes acontecerá na sexta-feira (26).

"Os civis irão para regiões sob o controle do regime em torno de Damasco; os rebeldes irão para Idlib ou vão ‘resolver a sua situação’ com o regime", disse a fonte.

Um comboio de caminhões transportando alimentos chegou a Daraya em junho, entregando suprimentos vitais para os civis pela primeira vez desde que as forças do governo cercaram a cidade no final de 2012.

Daraya foi uma das primeiras cidades da Síria onde irromperam os protestos antigovernamentais que desencadearam a guerra civil no país. Ela está localizada a apenas 15 minutos do centro de Damasco, de carro.

 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала