Presidente da Colômbia anuncia cessar-fogo definitivo com as FARC

© REUTERS / John VizcainoCelebração do acordo histórico de cessar-fogo entre FARC e governo colombiano nas ruas de Bogotá
Celebração do acordo histórico de cessar-fogo entre FARC e governo colombiano nas ruas de Bogotá - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, declarou nesta quinta-feira (25) que a partir das 'zero horas' da próxima segunda-feira as forças armadas do país finalmente vão depor as armas contra as FARC.

"Como chefe de Estado e comandante-em-chefe das Forças Armadas ordeno o cessar-fogo definitivo com as Farc a partir das zero horas na segunda-feira, 29 de agosto", disse Santos durante a cerimônia de entrega ao Congresso dos documentos finais da paz com a guerrilha.

Presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos (esquerda), presidente de Cuba, Raul Castro (centro), e líder das FARC, Rodrigo Londoño Echeverri (direita) - Sputnik Brasil
Washington reconhece papel de Cuba na resolução do conflito com as FARC na Colômbia
As delegações de paz do governo colombiano e as FARC (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) finalizaram todos os pontos da agenda de negociações na última terça-feira (25) em Havana.

O objetivo principal é acabar com o conflito armado de meio século na nação.

Em novembro de 2012, o governo colombiano e as FARC organizaram um encontro em Havana no intuito de acabar, o quanto antes, com o conflito, vivenciado pela população colombiana por mais de meio século. O conflito armado na Colômbia do qual participam guerrilhas, paramilitares, agentes de estado e narcotraficantes é considerado o mais antigo na América Latina. Conforme estimativas, os confrontos já provocaram milhões de vítimas: 300 mil mortos, 45 mil desaparecidos e 6,8 milhões de desalojados. 


Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала