Habitantes de Aleppo fogem dos terroristas

© Sputnik / Michael Alaeddin / Abrir o banco de imagensUm edifício residencial em Aleppo
Um edifício residencial em Aleppo - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Civis de um bairro de Aleppo acampam fora da cidade salvando suas vidas.

No final de julho, o bairro 1070, assim chamado por ter 1070 apartamentos em todos seus prédios residenciais construídos, foi ocupado por terroristas.

Os moradores desse bairro, que antes era um refúgio para o povo sírio de outras regiões do país, fugiram de suas casas para escapar da violência de militantes.

Em áreas de Aleppo que estão sob controle do Exército, eles organizaram um pequeno acampamento. Aqueles que não conseguiram obter um lugar no abrigo, dormem ao sol escaldante.

Samer, um dos moradores que fugiram do bairro 1070, disse à agência Sputnik, que ele teve que passar a noite ao ar livre por causa dos ataques terroristas em sua área residencial.

"É melhor dormir sob um sol escaldante, do que viver sob o jugo dos jihadistas. Muitos não podem ter um teto sobre sua cabeça, mas é ainda mais perigoso voltar para casa", disse Samer, o habitante do bairro.

Em áreas controladas pelos rebeldes, os civis são usados como escudos humanos. Os combatentes têm recorrido a seus métodos mais comuns para defender posições, concentrando as forças em edifícios residenciais. Ao mesmo tempo, os moradores locais são proibidos, sob a ameaça de punição, de fugir de casa, para que esta seja protegida por civis em confrontos armados com o exército sírio.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала