Olimpíadas de 2096 serão as últimas?

© Renato Sette Camara / Prefeitura do RioCentro de Hóquei
Centro de Hóquei - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
No final do século XXI, a maioria das cidades do mundo não será capaz de sediar Jogos Olímpicos devido a mudanças climáticas, revela pesquisa dos cientistas da Universidade da Califórnia em Berkeley, EUA.

Os pesquisadores preveem que daqui a 70 anos, apenas um pequeno número de cidades no hemisfério norte poderá organizar Olimpíadas, sendo que nas restantes cidades a temperatura e condições climáticas não vão corresponder às normas necessárias para realização do evento.

Pódio de vencedores junto à plataforma para saltos de trampolim da Olimpíada de Inverno do ano de 1984, em Sarajevo - Sputnik Brasil
Instalações olímpicas abandonadas nos vários países
A pesquisa analisou apenas as cidades com população superior a 600 mil habitantes. De acordo com as exigências atuais do COI somente essa categoria de cidades será capaz de sediar jogos de tal dimensão. Os municípios localizados a uma altitude que ultrapassem um quilômetro e meio do nível do mar serão excluídos da lista por não terem oxigênio suficiente e pressão atmosférica aceitável.

Segundo a pesquisa, nenhuma cidade da América Latina e África será capaz de sediar tal evento, pois não cumprirão todos os requisitos necessários. Somente três cidades da América do Norte e cerca de 30 cidades europeias, entre elas São Petersburgo, terão condições climáticas adequadas para realização dos jogos.

Porém, a lista das cidades pode ser ampliada caso algumas modalidades esportivas passem a ser realizadas em espaços fechados.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала