Grã-Bretanha gastará $240 milhões para equipar seus F-35 com mísseis ar-ar

Nos siga noTelegram
O Ministério da Defesa da Grã-Bretanha assinou um contrato no valor de cerca de 184 milhões de libras (quase 240 milhões de dólares) para equipar seus caças F-35B com novíssimos mísseis ar-ar de curta distância (ASRAM).

O contrato foi firmado com a fabricante de mísseis Matra BAE Dynamics Alenia (MBDA), que em 2015 havia assinado um outro contrato de 300 milhões de libras com o Ministério da Defesa britânico para a modernização de mísseis ASRAAM.

Acredita-se que os novos mísseis serão instalados em caças F-35B, usados atualmente pela Força Aérea e Marinha britânicas.

Caça F-35B - Sputnik Brasil
Caça F-35: alvo fácil para a defesa antiaérea russa?
De acordo com o comunicado emitido pelo ministério, o novo contrato faz parte do programa de rearmamento das Forças Armadas do país, que tem um orçamento final planejado de 178 bilhões de libras.

Os mísseis ASRAAM são usados em combates corpo a corpo e representam um importante elemento da defesa da Grã-Bretanha. Eles possuem um sistema de orientação infravermelha e são usado em aviões da Eurofighter Typhoon, Harrier e Tornado GR4 da Força Aérea britânica, podendo ser adaptados para o uso na plataforma F-35.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала