Hackers israelitas invadem fórum do Daesh e obtêm informação sobre novos atentados

Nos siga noTelegram
Especialistas da empresa israelense Intsights hackearam o fórum que pertence a militares do grupo terrorista Daesh e revelaram os seus planos de ataques, comunica o jornal Haaretz.

Logo Instagram - Sputnik Brasil
Sem filtro e mais 'espontâneo': Instagram ganha atualização e 'imita' Snapchat
O fórum funciona na base do Messenger Telegram. Entretanto, a Intsights não comentou como conseguiu hackear ele. 

"O Telegram é completamente cifrado, não existe possibilidade de qualquer pessoa poder interceptar as vossas mensagens e perceber o que você escreveu", acrescentou o chefe da empresa Alon Avarts no canal de televisão local. 

Segundo a informação do jornal, no fórum, os terroristas discutiram os planos de ataque contra as bases aéreas dos EUA no Kuwait, Bahrein e Arábia Saudita. Os hackers também conseguiram obter a informação sobre os atentados já realizados, por exemplo, sobre o último atentado na região de Normandia, comunicou o Haaretz

A 3D plastic representation of the Twitter and Youtube logo is seen in front of a displayed ISIS flag in this photo illustration in Zenica, Bosnia and Herzegovina, February 3, 2016 - Sputnik Brasil
Hacker posta pornografia no Twitter de terroristas do Daesh
Na manhã de 26 de julho, dois homens com armas tomaram 6 reféns na igreja de Saint-Etienne-du-Rouvray, frança, tendo degolado o sacerdote. Uma das mulheres conseguiu fugir, dar o alerta e chamar a polícia. Os atacantes foram mortos no local, um paroquiano acabou por morrer. 

Não existe uma frente única de combate contra o Daesh: tanto os exércitos da Síria e do Iraque, como a coalizão internacional encabeçada pelos EUA e as forças populares de curdos, estão lutando contra os terroristas na zona do conflito.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала