Resultado da tecnologia moderna? Estudo chocante revela hábitos sexuais da juventude

© Foto / PixabayUma menina usa seu celular
Uma menina usa seu celular - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Uma nova pesquisa revelou que a geração Y norte-americana, nascida no início de 1990, é menos propensa a se envolver em sexo casual do que a geração dos seus pais.

De acordo com o estudo realizado por Ryne Sherman, professor assistente de psicologia social na Universidade de Florida e por Brooke Wells, da Universidade de Widener, aqueles que estão agora na casa dos 20 anos são três vezes menos propensos a ser sexualmente ativos do que seus pais eram na mesma idade.

Dados da pesquisa foram recolhidos a partir de cerca de 27.000 entrevistados de várias gerações, e revelam que 15% da chamada geração do milênio (idades entre 20 e 24) não tinham tido qualquer parceiros sexuais desde que fizeram 18 anos.

A televisão gay - Sputnik Brasil
'Que cena mais linda': Twitter elogia sexo gay em 'Liberdade, Liberdade'
Este mesmo índice para a geração X (aqueles que nasceram em meados da década de 1960 até início de 1970) é quase três vezes menor, de apenas 6%. Aquela pesquisa foi realizada quando eles tinham exatamente mesma idade, e eles foram questionados exatamente com mesmas perguntas que os entrevistados atuais.

Enquanto isso, outros cientistas norte-americanos descobriram o segredo do orgasmo feminino.

"Este estudo realmente contradiz um estereótipo de que a geração do milênio é uma geração de 'libertinagem', popularizado por aplicativos de relacionamentos como o Tinder e outros, sugerindo que eles estão apenas à procura de relacionamentos rápidos e sexo casual frequente", frisou Sherman.

A única geração menos sexualmente ativa do que os jovens de hoje é a geração de pessoas nascidas em 1920.

Enquanto alguns especialistas culpam a mídia social da desaceleração da atividade sexual, visto que os jovens adultos de hoje simplesmente gastam menos tempo na companhia uns dos outros, os autores deste estudo explicam tais resultados com uma porção "historicamente elevada" de jovens adultos que vivem com seus pais e que têm fácil acesso ao entretenimento instantâneo e pornografia online.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала