Presidente da Comissão Europeia confessa que anota os que o traíram

© AFP 2022 / FREDERICK FLORINPresidente da Comissão Europeia Jean-Claude Juncker fala no Parlamento Europeu em Estrasburgo, França, novembro de 2015
Presidente da Comissão Europeia Jean-Claude Juncker fala no Parlamento Europeu em Estrasburgo, França, novembro de 2015 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente da Comissão Europeia Jean-Claude Juncker possui um pequeno bloco de notas preto onde escreve os nomes das pessoas que o traíram.

O jornal britânico The Guardian informou que Jean-Claude Juncker não esquece as pessoas que o ofenderam com ajuda do livrinho que o próprio Juncker chama de "Pequeno Maurice".

O homem com mala preta - Sputnik Brasil
Putin não se interessa pela morte do agente traidor Poteev
O jornal disse que ocupando o posto de prefeito de Luxemburgo durante 18 anos Juncker podia ameaçar qualquer um com o seu livrinho. "Tem cuidado. O Pequeno Maurice te está esperando".

"Tenho um pequeno bloco de notas preto onde eu já há 30 anos registro os nomes de pessoas que me traíram", disse Juncker.

Segundo o presidente da Comissão Europeia, seu bloco não está cheio porque as "pessoas traíam-no raramente".

"Não sou rancoroso mas tenho uma memória boa", acrescentou Juncker.

Jean-Claude Juncker, cidadão do Luxemburgo, tomou posse como presidente da Comissão Europeia em novembro de 2014.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала