EUA não acreditam que Assad recupere controle sobre a Síria

© Sputnik / Ilya Pitalev / Abrir o banco de imagensRetrato do presidente sírio Bashar Assad na porta do veículo equipado com um sistema de artilharia Grad pertencente ao Exército sírio nos arredores da cidade de Mhin, Síria, 20 de fevereiro de 2016
Retrato do presidente sírio Bashar Assad na porta do veículo equipado com um sistema de artilharia Grad pertencente ao Exército sírio nos arredores da cidade de Mhin, Síria, 20 de fevereiro de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Washington considera impossível que o presidente da Síria, Bashar Assad, possa retomar o controle de todo o território do país e, ao mesmo tempo, espera por certas decisões da parte russa.

"Os russos não foram capazes de apresentar um plano credível para colocar fim à guerra; ao mesmo tempo, o presidente Assad afirma que recuperará cada polegada do seu território, mas isso é ficção científica e nunca se tornará realidade, por isso, acho que os russos também devem tomar certas decisões", disse McGurk,o enviado especial da Casa Branca para a coalizão internacional contra o Daesh.

Bombardeiro russo Su-24M - Sputnik Brasil
Por que Rússia reequipa a Força Aérea síria?
Há mais de cinco que a Síria está imersa em uma guerra civil. As forças governamentais enfrentam os grupos armados da oposição e organizações extremistas como o Daesh (proibido na Rússia) e a Frente al-Nusra.

Em 27 de fevereiro, foi feito um acordo de cessar-fogo no país, mediado pela Rússia, EUA, países membros do Grupo Internacional de Apoio à Síria, e aprovado por uma resolução do Conselho de Segurança da ONU. A trégua não se estende aos grupos que as Nações Unidas classificam como terroristas, incluindo a Frente al-Nusra e Daesh.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала