Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Equipe russa autorizada a participar dos Jogos Olímpicos no Rio

© Sputnik / Ramil Sitdikov / Abrir o banco de imagensPresidente do COI sobre esporte russo
Presidente do COI sobre esporte russo - Sputnik Brasil
Nos siga no
O Comitê Olímpico Internacional tomou a decisão de não afastar a equipe russa dos Jogos Olímpicos no Brasil, diz-se no comunicado de imprensa da organização.

Segundo a organização, serão as federações esportivas das modalidades a decidir se os atletas russos "limpos" vão ao Rio-2016 ou não. O COI espera que as federações internacionais das modalidades já tenham uma opinião relativamente aos esportistas russos, disse o presidente do COI Thomas Bach.

Entretanto, o Comitê Olímpico afirmou que qualquer esportista que tenha sido sancionado por doping no passado, mesmo que o prazo da sua desqualificação já tenha expirado, não pode fazer parte da equipe russa.

Ao mesmo tempo, a seleção de atletismo russa, exceto Klishina, não poderá competir, confirmou o COI.

O comunicado de imprensa do COI detalhou que cada esportista russo admitido a participar no Rio-2016 deve passar por testes adicionais. Se não estiver disponível para os fazer, a sua acreditação será anulada.

Cidade Olímpica - Rio de Janeiro - 2016 - Sputnik Brasil
Comitê Paraolímpico russo diz que iniciativa de suspender Rússia dos jogos é politizada
Bach destacou que os funcionários do Ministério dos Esportes russo não vão receber acreditação nos Jogos Olímpicos.

"Esta [decisão da COI] é também uma mensagem que incute esperança aos atletas 'limpos', de que eles têm a oportunidade de provar que são inocentes e podem participar dos Jogos Olímpicos", frisou o presidente da organização.

A decisão foi tomada praticamente por unanimidade, só com uma abstenção.

"O Comitê Executivo do COI decidiu em bloco, a decisão sobre a participação da equipe russa foi tomada quase por unanimidade só com uma abstenção", afirmou Bach durante a coletiva de imprensa.

Na segunda-feira (18), o chefe da comissão independente da Agência Internacional Antidoping (WADA), Richard McLaren, anunciou os resultados da sua investigação, referente à violação das normas antidoping durante os Jogos Olímpicos de Inverno de 2014 em Sochi. O relatório da WADA recomendou ao COI a desqualificação da Rússia dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала