Combates encarniçados recomeçam na capital do Sudão do Sul

© AP Photo / Mackenzie Knowles-CoursinUm militar das forças do presidente do Sudão do Sul
Um militar das forças do presidente do Sudão do Sul - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
De acordo com a Missão das Nações Unidas no país, em Juba, capital do Sudão do Sul, recomeçam tiroteios.

South Sudan government soldiers in the town of Koch, Unity state, South Sudan, Friday, Sept. 25, 2015 - Sputnik Brasil
Forças da ONU fazem cordão de isolamento para proteger civis no Sudão do Sul
A Organização das Nações Unidas relata atividade militar em Juba com uso de armamento pesado perto de uma base da ONU.

O número de mortos subiu para 272 pessoas em apenas uma semana de combates entre tropas governamentais e oposição, disse uma fonte do Ministério da Saúde citada pela Reuters.

As forças do presidente, segundo relatos de múltiplas fontes, iniciaram o combate lançando um ataque contra as tropas da oposição baseados perto da capital, informou a rádio local Tamazuj.

A guerra civil começou no Sudão do Sul, no final de 2013, entre o governo e as forças de oposição do país depois do presidente Salva Kiir Mayardit ter acusado os líderes da oposição Riek Machar e Pagan Amum de planejar um golpe de estado. O presidente pertence ao povo dinkas, mas Machar — aos nuers. As tensões entre as facções étnicas transformaram em palco de hostilidades a capital do país.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала