Rússia reforçará segurança dos voos sobre o mar Báltico

© REUTERS / Marinha dos EUA/ReutersA foto da Marinha dos EUA mostra o que parece ser um avião militar russo voando muito próximo do destroier americano USS Donald Cook.
A foto da Marinha dos EUA mostra o que parece ser um avião militar russo voando muito próximo do destroier americano USS Donald Cook. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O ministro da Defesa russo, Sergei Shoigu, ordenou o desenvolvimento de medidas de confiança que reforcem a segurança dos voos na região do mar Báltico.

"Cumprindo instruções do presidente da Rússia, o ministro da Defesa, general de exército Sergei Shoigu, ordenou a apresentação de propostas para a elaboração de medidas de confiança que reforcem a segurança dos voos na região do mar Báltico", disse ele em um comunicado.

Ele precisou que se trata de uma série de medidas organizativas e técnicas, incluindo o uso de transponders pela aviação da Força Aeroespacial da Rússia.

Exercícios táticos da Frota do Báltico - Sputnik Brasil
Rússia colocará em ordem a Frota do Báltico
"No caso de disposição mútua dos países da OTAN para realizar seus voos com os transponders ativos perto da fronteira com a Rússia, os técnicos do Ministério da Defesa russo podem participar em uma discussão detalhada desse assunto a nível de peritos", acrescentou.

Na sexta-feira (1), o presidente finlandês Sauli Niinisto, em um encontro com seu homólogo russo, Vladimir Putin, sugeriu a proibição na zona do Báltico dos voos de aviões com transponders desligados, referindo que esta prática envolve certos riscos.

Presidente da Rússia Vladimir Putin com o seu colega finlandês Sauli Niinisto, 2016 - Sputnik Brasil
Rússia reagirá em conformidade à integração da Finlândia na OTAN
Por sua parte, Putin lembrou que os aviões russos não são os únicos que sobrevoam o mar Báltico sem ligar os dispositivos de identificação; também o fazem os aviões da OTAN e, ainda por cima, com frequência dupla, por comparação com as aeronaves russas.

Ele prometeu, além disso, incluir o assunto na agenda da próxima reunião do Conselho Rússia-OTAN em Bruxelas, prevista para o dia 13 de julho.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала