Opinião: EUA dificultam aproximação entre Rússia e UE usando Turquia e Ucrânia

© Sputnik / Vladimir Sergeev / Abrir o banco de imagensBandeiras da Rússia e da UE
Bandeiras da Rússia e da UE - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Os Estados Unidos dificultam a aproximação entre a União Europeia e a Rússia, usando a Ucrânia e a Turquia como ferramenta de combate. A opinião é do autor de numerosos livros, artigos e trabalhos de pesquisa no campo das relações internacionais e geopolítica, Alexander Del Val.

Russian President Vladimir Putin, right, and U.S. President Barack Obama have a meeting within the framework of the G8 summit in Northern Ireland, 17 June 2013 - Sputnik Brasil
A propósito do desejo dos EUA em reiniciar a Guerra Fria
"Eu acredito que os Esados Unidos não estão interessados em uma Europa forte que esteja se movendo para mais perto da Rússia Por isso, o conflito no leste da Ucrânia, bem como a entrada da Turquia na Europa são os meios para a divisão da Europa, a fim de impedi-la de falar com uma só voz e aproximar-se da Rússia", afirmou o especialista à agência Sputnik.

De acordo com o analista, os Estados Unidos perseguem "o objetivo de desestabilizar a Europa, para que esta seja um ‘player’ geopolítico fraco". 

Del Val é o autor do relatório "A migração ilegal na Europa e o papel dos países vizinhos da União Europeia".

O especialista também destacou que a Turquia, juntamente com a Albânia e Kosovo, é um "país de trânsito e de organização da imigração ilegal", que traz problemas indissociáveis relacionados ao crime organizado, tráfico de drogas e prostituição.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала