Paraguai pode acelerar extradição de fugitivo à Argentina

© REUTERS / Jorge AdornoO empresário farmacêutico argentino Ibar Pérez Corradi, fugido no Paraguai
O empresário farmacêutico argentino Ibar Pérez Corradi, fugido no Paraguai - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O empresário farmacêutico argentino Ibar Pérez Corradi, fugido no Paraguai, foi detido e pode ser extraditado para seu país em menos de 45 dias, informou a imprensa argentina nesta segunda (20).

Corradi Perez foi detido por falsificação de documentos depois de passar quatro anos em fuga.

Soldados do Exército Brasileiro - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Brasil e Paraguai planejam exercícios militares na fronteira
A promotora paraguaia encarregada do caso, Sandra Quinonez, estima que o processo de extradição para a Argentina possa levar "menos de 45 dias", escreveu o site do jornal La Nación.

O empresário é acusado na Argentina de planejar o conhecido "crime triplo da efedrina" em que foram mortos Sebastián Forza, Damión Ferrón e Leopoldo Bina.

Pérez Corradi disse à imprensa que está inocente e que tem provas disso, mas teme por sua segurança e a de sua família.

"Peço segurança para minha família e para mim, estou com medo", disse o acusado.

​A Argentina solicitou formalmente a extradição dos detidos através de uma carta assinada pelo juiz federal Maria Servini de Cubría, de acordo com a agência oficial de notícias Télam.

Os argentinos Victor Schillaci e os irmãos Cristian e Martin Lanatta, que foram presos por triplo assassinato, fugiram no final de 2015 e em janeiro foram capturados.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала