Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Mais uma praga: terroristas com HIV em Mossul

© AFP 2021 / SAFIN HAMEDHospital em Mossul Iraque
Hospital em Mossul Iraque - Sputnik Brasil
Nos siga no
O hospital Ibn Sina da cidade de Mossul, no norte do Iraque, começa se enchendo com militantes do Daesh infectados com o HIV, informou a agência Sputnik nesta terça (14).

Caça russo Su-24 - Sputnik Brasil
Porque a Rússia não bombardeia o Daesh no Iraque?
Uma fonte do hospital de Mossul, que pediu para não revelar sua identidade, contou à Sputnik que agora no hospital se encontram 23 pessoas infetadas com o HIV. Todos eles são terroristas de Daesh.

Segundo a fonte, que se referiu a dados de arquivo, no ano passado, até 23 de agosto de 2015, o hospital registrou somente 3 casos do HIV entre terroristas. Mas neste ano o número de militantes infetados atingiu as 23 pessoas. 

"O Daesh proíbe ao pessoal do hospital Ibn Sina entrar nas salas onde permanecem os terroristas infectados com o HIV, a maioria dos quais são asiáticos. Os militantes contratam médicos estrangeiros que trabalham com Daesh", acrescentou ele.

A imprensa local e jornalistas têm repetidamente acusado os militantes do Daesh de relações homossexuais e do estupro de adolescentes, apesar do fato de que a organização terrorista por várias vezes tenha executado pessoas acusados de "sodomia". De acordo com médicos do hospital, esse fator poderia causar a difusão do HIV entre os militantes.

Bandeira do Estado Islâmico - Sputnik Brasil
Estado Islâmico executou mais de 2 mil pessoas na cidade iraquiana de Mossul
A fonte explicou que o Daesh ocupou no hospital Ibn Sina o centro médico privado, onde os militantes infectados recebem tratamento quimioterápico. Além disso, neste centro de saúde são tratados terroristas do Daesh com ferimentos graves recebidos nos combates ou de ataques aéreos.

De acordo com outra fonte, em Mossul o Daesh executou prisioneiros, acusados de serem homossexuais, quando não conseguiram encontrar provas de espionagem para as forças governamentais.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала