França construirá base militar no Curdistão sírio

© AFP 2022 / YASIN AKGULCurdos sírios em Kobane
Curdos sírios em Kobane - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
No âmbito da luta conta o Daesh, a França está construindo uma base militar no território da região curda de Kobane, no norte da Síria, e realizando consultas militares com as Forças Democráticas da Síria, no efetivo das quais combatem as Unidades de Proteção Popular (YPG) curdas.

Para esse fim, há duas semanas 170 militares franceses foram encaminhados para Kobane.

A cidade de Arbil no Curdistão iraquiano - Sputnik Brasil
Curdos da Síria apoiarão independência do Curdistão iraquiano
Segundo informações de representantes das Forças Democráticas da Síria, os soldados franceses chegaram a Kobane junto com militares americanos poucos dias antes do começo da operação militar de libertação da cidade de Manbij. Por razões de segurança, as informações sobre a chegada dos militares franceses foram tornadas secretas. Segundo foi esclarecido, todos eles são soldados de diferentes subdivisões.

Foi relatado que os militares franceses foram instalados no território de uma usina de cimento no sul de Kobane. A região em que fica a usina está sob controle das Forças Democráticas. Os soldados chegados da França não participam imediatamente nos combates para libertação de Manbij. Eles executam a coordenação com a aviação da coalizão antiterrorista e ensinam os militares das Forças Democráticas da Síria a usar armas pesadas. O ex-vice-chanceler da região de Kabanê, Idris Nessan, contou à Sputnik que a França começou construindo uma base militar no sul de Kobane:

“Os soldados franceses, junto com militares dos EUA, chegaram a Kobane para a operação militar de libertação de Manbij. Seu objetivo principal não é participar diretamente nos combates, mas assegurar o trabalho de coordenação com os aviões da coalizão, bem como a consulta e treinamento dos soldados do Conselho Militar de Manbij e de Forças Democráticas da Síria, bem como assistência em planejamento logístico. Não posso divulgar os dados sobre a quantidade de soldados que chegou a Kobane, eles vão chegar de acordo com a situação na frente”.

Hesibe Azade, comandante do batalhao de mulheres peshmerga, Curdistão iraquiano - Sputnik Brasil
Curdistão iraquiano apoia luta da Rússia contra o Daesh
“França tenciona criar uma base militar em Kobane. Mas o local de construção não será na colina de Mistenur, como foi dito anteriormente, mas no sul de Kobane. Agora não se observa nenhuma atividade militar na colina de Mistenur. Ao mesmo tempo, este território não é bom para a construção da base por motivos de segurança. Os militares franceses estão instalados no território de uma usina de cimento no sul de Kobane”, disse Nessan.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала