Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

'Para sobreviver, precisamos reconhecer que vivemos uma época de guerra da informação'

© AFP 2021 / GERARD CERLESEuropeus não acreditam no que mídia diz sobre Ucrânia
Europeus não acreditam no que mídia diz sobre Ucrânia - Sputnik Brasil
Nos siga no
No último dia do Fórum Midiático Internacional, organizado pela agência Rossiya Segodnya em Moscou, sob o lema “A Nova Época do Jornalismo: a Despedida do Mainstream", a Sputnik conversou com a advogada, escritora e jornalista do canal RT em espanhol nos EUA Eva Golinger.

Autora e apresentadora do programa "Por trás da notícia" (Detrás de la noticia), ela elogiou a inciativa do fórum e destacou a necessidade de promover uma maior interação entre as mídias isentas da influência do Ocidente e, principalmente, dos EUA.

"Na minha opinião, se não reconhecermos que vivemos num período de guerra informativa, cultura e informativa, não poderemos sobreviver. Faz décadas que as mídias vem sendo usadas para promover interesses próprios por aqueles que conhecem dessas táticas e estratégias. É uma verdadeira guerra pelas opiniões e pelos corações do povo" – disse Eva Golinger.

Ela destacou igualmente os cuidados que devem ser tomados com relação ao crescente papel da internet e das redes sociais neste processo.

"Atualmente é preciso tomar cuidado com mídias digitais, redes sociais, e também saber como usá-las. (…) Vivemos numa época com muitas fontes de informação: tudo acontece muito rápido, a informação é replicada e difundida nas redes sociais, mas nunca verificada depois disso" – alertou a jornalista.

Presidente russo Vladimir Putin faz discurso no Fórum Midiático Internacional Nova Época do Jornalismo: a Despedida do Mainstream na sede da agência Rossiya Segodnya, Moscou, Rússia, 7 de junho de 2016 - Sputnik Brasil
Vladimir Putin chega ao Fórum Midiático Internacional
Ela falou igualmente sobre a difícil situação política em se encontra atualmente a América Latina, dando destaque ao atual cenário do Brasil, que, na sua opinião, não deverá perdurar por muito tempo.

"Quanto à situação política no Brasil – acredito que isso não vá durar muito tempo. Lula já anunciou a sua candidatura para 2018" – disse.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала