Corte Suprema da Argentina afirma que só sindicatos podem convocar greves

© AFP 2022 / Juan MabromataGreve geral na Argentina.
Greve geral na Argentina. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Corte Suprema de Justiça da Argentina determinou nesta terça-feira que apenas os sindicatos podem declarar, a partir de agora, uma greve geral. Desse modo, passarão a ser ilegítimas todas as medidas de força que convoquem grupos informais de trabalhadores, segundo informaram à Sputnik fontes judiciais.

"A tensão entre direitos [...] foi resolvida subordinando o exercício do direito de greve ao cumprimento de determinadas condições ou precauções. E uma dessas precauções é a de que a decisão de fazer greve seja adotada por uma associação sindical", destacou o tribunal. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала