- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Zika: pesquisadores brasileiros não veem motivo para mudar Jogos Olímpicos

© Cidade Olímpica/PCRJCentro Olímpico de Tênis para os Jogos Rio 2016
Centro Olímpico de Tênis para os Jogos Rio 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Pesquisadores brasileiros que prepararam um artigo com uma série de evidências científicas indicando que não há motivo para alterar as datas dos Jogos Olímpicos (5 a 21 de agosto) e Paralímpicos (7 a 18 de setembro) do Rio de Janeiro.

Mosquitos Aedes aegypti - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Zika: Pesquisadores pedem adiamento dos Jogos Olímpicos no Rio
A mudança das datas foi proposta por cientistas internacionais em carta aberta à Organização Mundial da Saúde (OMS), preocupados com a chegada de turistas à cidade e que poderiam levar o vírus Zika para os seus países de origem.

O artigo publicado na revista científica Memórias, do Instituto Oswaldo Cruz, contesta o argumento porque a atividade do mosquito aedes aegypti é muito baixa no Rio de Janeiro nos meses de agosto e setembro. O estudo foi elaborado por integrantes do Programa de Computação Científica da Fundação Oswaldo Cruz (PROCC/Fiocruz) e da Escola de Matemática Aplicada da Fundação Getúlio Vargas do Rio de Janeiro (FGV) 

A coordenadora do programa da Fiocruz, Claudia Codeço, informou em entrevista à Agência Brasil que o estudo levou em consideração dois fatores: a biologia do mosquito aedes aegypti com a sua ação em temperaturas mínimas na cidade entre 22 e 24 graus Celsius (ºC) e os dados de casos de dengue registrados desde 2010.

A pesquisadora disse que o conhecimento acumulado sobre a biologia do mosquito, que além da doença transmite a Zika, indica que em climas mais frios o vírus demora cerca de 15 dias para sair do estômago do mosquito, chegar à glândula salivar e infectar uma pessoa. 

“Com as temperaturas de agosto e setembro, poucos mosquitos conseguem completar o ciclo e transmitir a dengue e provavelmente a Zika também. Demoraria uns 15 dias de picar uma pessoa e transmitir para uma outra. Em 15 dias, a chance dele morrer antes é muito grande, porque o mosquito tem uma vida curta”, explicou.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала